Cabelos,  Cosméticos,  Cuidados

Hidratação dos cabelos – a verdade e sua importância

Falar sobre hidratação dos cabelos parece um tema simples e batido, afinal há tantos blogs, bloggers e youtubers que falam sobre o assunto. Porém, muito das informações passadas estão erradas ou equivocadas; um exemplo, a seguinte frase: “hidratação é a reposição hídrica do cabelo”. Outra menção: “essa é uma máscara de hidratação” . Acompanhe até o final que você vai entender porque estou falando isso.




O que é hidratação?

É comum as pessoas pensarem que produtos hidratantes são para repor a água dos cabelos e disseminam isso. Na verdade, o nome leva a esse mal entendido. Produtos para Hidratação dos cabelos nada mais são do que itens para impedir que fio perca água por evaporação; é criado um filme que evita a dissipação hídrica. O nome produto anti-desidratante seria bem mais adequado, no entanto, o termo hidratante se tornou popular. Se você ainda está incrédulo com tal afirmação, pense no seguinte, quando lavamos o cabelo, ele absorve 40% do seu peso em água, por que você vai passar um produto que adiciona água sendo que ele já está saturado?! Faz mais sentido que você passe um produto que segure a água necessária no fio, não é mesmo?!

 

Lembre-se: Ninguém hidrata o cabelo, nós o mantemos hidratado. São afirmações distintas.

 

Outro equívoco é sempre associar a hidratação dos cabelos apenas a produtos, na verdade, eles são mais auxiliares. A saúde do fio começa de dentro para fora, se você deseja um cabelo saudável é necessário uma alimentação balanceada, com carboidratos, proteínas e oleaginosas e sobretudo, água. Todos esses nutrientes estão presentes no sangue e chegam ao fio por meio de ramos vasculares localizados na membrana protetora que separa as raízes do cabelo. Alguns fatores acabam prejudicando essa lubrificação natural, como: químicas, secador e chapinha, alguns tensoativos de shampoos, vento, sol, estresse, etc. E para auxiliar na manutenção de um cabelo bonito estão os cosméticos. Dizer que alimentação é importante para um cabelo bonito e vigoroso não é trivial, é crucial.

Por que é importante garantir a Hidratação dos cabelos?

Como foi dito acima, agressões de produtos químicos, calor e o ambiente podem danificar o cabelo, prejudicando a hidratação natural do fio. Para entender melhor, veja a figura abaixo:

O cabelo é constituído pela cutícula, córtex e medula (a medula pode estar presente em certas cabeleiras e outras não, até na mesma cabeleira pode haver fios com medula e outros não; presente em fios grossos). Fazendo uma analogia, pense em um lápis, é como se a medula fosse o grafite, o córtex a madeira e a película externa a cutícula. E ainda existe o cimento intercelular que liga as camadas das cutículas (semelhante a escamas) e estas ao córtex. Noventa por cento do peso total do cabelo vem do córtex e é ele que confere resistência, flexibilidade, elasticidade e cor ao cabelo; é composto por células queratinizadas. A cutícula também é constituída por células queratinizadas e possui a função de proteger o córtex que é mais delicado, pois sem esta proteção, o córtex se tornaria frágil e degradaria.

Porém, os agentes externos atacam a cutícula deixando-as abertas, causando a porosidade e perda de água. Aí que entra a hidratação, criando uma barreira que mantém a água nos cabelos, sela a cutícula e protege o córtex.

O fato de manter a água nos cabelos proporciona um cabelo menos embaraçado, com mais brilho (quando mais fechadas estiverem as cutículas, mais luminosidade terá o cabelo), menos quebradiço, com mais flexibilidade, maleabilidade e maciez.

Como manter um cabelo hidratado?

Quando fala em hidratação dos cabelos a primeira coisa que vem à cabeça são os cosméticos, principalmente as máscaras capilares. Contudo, se você deseja um cabelo hidratado, é importante ter uma dieta equilibrada e beber água.

No que tange aos cosméticos, não é apenas as máscaras que proporcionam a hidratação. Deve começar desde a escolha do shampoo até os finalizadores. As substâncias hidratantes são os emolientes: glicerina, produtos a base de oleaginosas (óleo de jojoba, óleo de macadâmia, óleo de coco, etc); silicones; extratos vegetais; proteínas e aminoácidos; colágeno; seda; etc.

1 – Shampoo:

A escolha do shampoo é um passo muito importante para a hidratação dos cabelos. Alguns Tensoativos presentes nos shampoos podem promover o ressecamento do fio, pois são alcalinos e abrem as cutículas. Os mais conhecidos são os sulfatos de sódio Lauril e o sulfato de sódio Laureth (sodium lauryl sulfate | sodium laureth sulfate). Muitas pessoas indicam escolher o shampoo pelo aspecto, por exemplo, os transparentes são mais fortes e ressecam mais e os perolados e opacos são hidratantes e menos agressivos. Considero esse método falho, a melhor maneira de escolher o shampoo é olhando na composição e ver se esses dois componentes citados acima estão ou não na fórmula. Sugestão de tensoativos menos agressivos: isentionatos, hidroxisultaínas, sarcosinatos e betaínas.

É importante encontrar um equilíbrio, pois os shampoos com o sulfato de sódio Lauril e Laureth geralmente estão presentes nas formulações de shampoos anti-resíduos, e são utilizados na técnica de Peeling Capilar (se você que saber sobre o Peeling Capilar, clique aqui) para remover as sujeiras acumuladas no cabelo. Porém, seu uso contínuo, danifica o cabelo e contribui para o ressecamento dos fios.

2- Máscara Capilar:

É o primeiro elemento pensado quando se fala em hidratação dos cabelos. Realmente, as máscara são responsáveis por repor alguns nutrientes no fio capilar, e principalmente revestir e proteger o fio. Apresentam propriedades catiônicas (cargas positivas), ajudando a neutralizar as cargas aniônicas (cargas negativas) do shampoo. Todas as máscaras possuem ativos para revestir o fio com a finalidade de proteger e reter água. Por isso eu digo que não existe tipos de máscara hidratante, todas as máscaras têm a função hidratante.

Aprofundando mais, atualmente, as pessoas vêm classificando as máscaras como Hidratantes, Nutritivas e Reconstrutoras. Começando pela classificação popular das chamadas Hidratantes: extrato vegetal, silicones, proteínas hidrolizadas. E a finalidade é a retenção hídrica pela criação de um filme que dificulta a perda por evaporação.

Nutritivas, são aquelas cuja composição estão presentes: óleos vegetais como macadâmia e argan, manteigas como o Karitê, ceramidas e lipídios, cuja finalidade é lubrificação do fio, assemelhando-se ao sebo capilar. Os óleos são excelentes criadores de filme que retem a água. Logo, além da reposição lipídica, óleos são excelentes hidratantes.

Erroneamente é divulgado na internet que a Hidratação repõe água e a Nutrição segura a água depositada na fase hidratação. Como já foi mostrado várias vezes aqui, isso é mentira.

Vamos agora as máscaras conhecidas como Reconstrutoras, cuja composição apresenta: proteínas, proteínas hidrolisadas e aminoácidos. Podemos ver novamente que esses componentes estão presentes nas máscaras consideradas hidratantes. Notou similaridades?! Famosas por depositar componentes que faltam no fio capilar, como queratina e aminoácidos, reparando o fio. Isso é verdade. As proteínas hidrolizadas e aminoácidos podem ser absorvidos em locais com danos, pois possui baixo peso molecular. Geralmente são sedimentadas na superfície da cutícula, ajudando na reparação das agressões, dessa forma, além da reposição de massa, a sedimentação também retém a água. Resumindo, os componentes principais das reconstrutoras além da reparação, criam um filme de proteção, ajudam a evitar um desgaste, apresentando também a função de máscaras hidratantes.

O ponto que quero chegar é que todas as máscaras têm a função de hidratação presentes nelas, contudo, não significa que são exclusicamente hidratantes. Todas elas criam filmes que protegem das agressões do meio e dificultam a perda da água contida (já existente) no cabelo. Algumas além de criar essa camada protetora, depositam lipídeos e aminoácidos faltantes, porém de forma leve. Nos próximos posts falarei sobre Nutrição e Reconstrução e dará para perceber que as máscaras são produtos complementares aos processos. Quando você aplica máscaras consideradas nutritivas e reconstrutoras, você também está realizando hidratação.

3- Condicionadores e Finalizadores

Os condicionadores são parecidos com as máscaras, porém seus ativos são bem menos intensos. Ajudam a diminuir as cargas negativas do shampoo. Alguns apresentam a formulação mais ácida, o que ajuda a fechar as cutículas.

Os finalizadores são auxiliares na formação de filme para reter a água. É importante o seu uso, pois a água do chuveiro costuma ser alcalina (água pura é neutra, mas devido as impurezas e aditivos se torna alcalina), que pode dificultar o processo de fechamento das cutículas durante a lavagem. Muitos finalizadores apresentam proteção térmica na formulação, criando uma barreira protetora para o calor não danificar as cutículas.

Considerações Finais

Como já foi ressaltado diversas vezes, reter água é diferente de a repor. A hidratação nada mais é que uma etapa que tenta segurar a água absorvida no banho e dos alimentos, por isso é necessário sempre estar atento a uma dieta equilibrada e consumir água. O processo de  Hidratação dos cabelos atrelados ao uso dos cosméticos é uma etapa importante se você deseja um aspecto bonito, maleável e brilhante nos fios. Desde a escolha do shampoo até a finalização dos fios é necessário a escolha dos produtos corretos. Portanto, qualquer ingrediente e produto que crie um filme protetor nos fios e evite a saída de água, é um hidratante.



Leia: Ingredientes para serem evitados ou usados com moderação

Parabenos – um vilão presente nos cosméticos?

Referências

Livro: Tricologia | A Química cosmética Capilar – John Halal. Editora: Cengage Learning

Livro: Manual de Instruções | Terapia Capilar – Denise Braga. Editora: Senac

4 Comentários

    • Liliane Nascimento

      Boa noite, Tiago.

      Na nutrição temos as reposição lipídica que os fios do cabelo precisam. Além do mais, os óleos também possuem a propriedade de criar uma película ao redor das cutículas que ajuda a reter a água presente dentro dos fios, e isso nada mais é do que o processo que chamamos de hidratação.
      O nome hidratação se popularizou, embora ele faça menção a adicionar água, não é o processo que realmente ocorre. Os cosméticos, capilares e da pele, têm o papel de reter a água. Isso é muito importante.
      Espero ter esclarecido a sua dúvida, mas se caso não, é só perguntar. Ficarei feliz em responder.
      Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: